Gases Especiais

A Lince trabalha na instalação de gases especiais:

 

  • Instalações centralizadas para cilindro de gases especiais

  • Instalações centralizadas para gases especiais 

  • Execução de tubulações em cobre ou aço inox com juntas executadas com conexões de dupla anilha

  • Instalação de postos de consumo

  • Manutenções; corretivas e preventivas.

Ar Sintético – Ar S

 

O Ar Sintético é uma mistura gasosa composta de 20% de Oxigênio e Nitrogênio como quantidade complementar. Oxidante moderado, o Ar Sintético, é um gás incolor, inodoro, insípido e não inflamável. 

 

Acetileno - C2H2

Gás altamente inflamável à temperatura ambiente e pressão atmosférica. Não tóxico, incolor, menos denso do que o ar atmosférico, tem odor desagradável, semelhante ao do alho. Por razões de segurança, o acetileno é armazenado e transportado em cilindros de aço, dissolvido em acetona que por sua vez encontra-se adsorvida em uma massa porosa incombustível.

A pressão de um cilindro cheio varia muito com a temperatura e porosidade da massa, porém, é cerca de 17,2 bar à 21ºC.

 

Hélio - He

Gás incolor, inodoro, não-reativo, inerte e comprimido a altas pressões. Atua como asfixiante por deslocamento do ar atmosférico.

 

Nitrogênio - N2

O Nitrogênio nas condições ambientes é um gás incolor, inodoro, insípido, não tóxico e não inflamável. Pode ser considerado um gás inerte para aplicações onde a temperatura não seja demasiadamente elevada. Pode causar asfixia por deslocamento do oxigênio do ar.

 

Ar Comprimido – Ar C

Gás produzido através da compressão do ar atmosférico. Não é um gás Especial, porém a sua utilização nos laboratórios se faz necessário, interligando o complexo de rede de gases. 

 

Argônio - Ar

Gás incolor, inodoro, não-reativo, inerte e comprimido a altas pressões. Atua como asfixiante por deslocamento do ar atmosférico. Está presente no ar atmosférico a uma concentração de aproximadamente 0,9% em volume. Faz parte do grupo denominado de "Gases Nobres" e até onde se sabe não forma nenhum composto estável como outros elementos. Sua densidade é superior a do ar atmosférico.

 

Dióxido de Carbono - CO2

Gás incolor, inodoro, liquefeito a altas pressões e ligeiramente ácido. Conhecido também como anidrido carbônico ou gás carbônico. Acondicionado na forma liquefeita, a sua pressão de vapor é de 58,3 kgf/cm2 a 21 ºC. O Limite de Tolerância (LT) do produto é de 3900 ppm.

 

Hidrogênio - H2

O Hidrogênio é um gás altamente inflamável, incolor, inodoro e insípido. Devido a seu baixo peso molecular, o hidrogênio ao ser liberado, tende subir e a acumular-se no teto, motivo pelo qual, áreas de armazenamento deste produto devem ser muito bem ventiladas e eventuais instalações elétricas de qualquer natureza, inclusive as de iluminação, devem ser feitas dentro de estritas normas de segurança.

 

Óxido Nitroso - N2O

O Óxido Nitroso é um gás incolor, oxidante moderado, não tóxico, anestésico e com sabor e odor levemente adocicados. Em reações de oxidação, ainda que necessite uma energia de ativação maior que o oxigênio, se transforma em poderoso oxidante. Possui alta solubilidade em água.

 

Vácuo - VC

Produzido através de bombas de vácuo onde o ar é bombeado para fora, deixando o recipiente ou tubulação com pressão negativa. Não é um gás Especial, porém a sua utilização nos laboratórios se faz necessário, interligando o complexo de rede de gases.